BLUES TO THE LORD - CHURCH
...............................................
Voltando para casa ...
Jornada pela Liberdade - A Igreja Evangélica LivreHome[x]

Tamanho da letra:  Diminuir [-]  Aumentar [+]            Imprimir somente o texto                · Baixar Texto Completo - Arquivo PDF

A Igreja Evangélica nos Lares - Voltando ao Começo ...

PARTE 1 - INTRODUÇÃO.

Paz, da parte de Deus nosso Pai e de Jesus Cristo nosso Senhor e Salvador.

Inicio esclarecendo que, depois da última igreja chamada evangélica onde peregrinei, nunca mais retornei ao convívio denominacional. Desde, então, foi estabelecido um período distinto, um tempo determinado, para escrever e, progressivamente, ser ajustado aos propósitos do Senhor. Por causa do engano que pensava ser o verdadeiro evangelho, desvios foram tomados e, nesses desvios de caminho, aconteceram fatos que entulharam e embaraçaram a vida que, com sabedoria e poder, o Senhor foi removendo para estar plenamente ajustado.

Agora só vivo um novo tempo, sem os entulhos.

Não disponho de local próprio para reunião, mas sempre fui provocado para estimular os irmãos para reunião em suas casas (quando podem, quando não há barreiras), estabelecendo igrejas nos lares.

Ofereceram-me condições para abrir um local (prédio) mas, ainda, não tenho essa palavra do Senhor.

O tempo, hoje, é escrever e multiplicar a semente. Lançar a semente na terra.

Muitos estão revisando o que ouviram e viram nas denominações tradicionais e, tomando atitudes diante da Palavra de Deus.

Vivemos, atualmente, um tempo de Deus, quando o que nunca foi questionado por tradição evangélica, passou a ser, porque, as verdades reais interpretadas estão sendo reveladas progressivamente e os homens deverão decidir entre o que a Palavra de Deus diz e É e o que homens e espíritos enganadores e de demônios dizem.

Levei um tempo para aceitar e resistia à revelação que, diante da Palavra de Deus, essas tais não são igrejas de Cristo ou igrejas evangélicas, pois, negam a verdade do fundamento dos doze apóstolos do Cordeiro, que é a única doutrina de Cristo. São os falsos conforme diz a Palavra de Deus. Não me incluo nesse "corpo", pois, não sou conivente e condeno - diante da Palavra de Deus - suas obras da iniquidade com aparência de boas.

Uma das sórdidas blasfêmias está em dizer que Deus age em favor de alguém se der dinheiro, sejam dízimos, Malaquias 3:10, Teologia da Prosperidade (aberração - doutrina de demônio), ofertas, etc ...

Quem prega e quem aceita tal blasfêmia já está condenado diante da Palavra de Deus, entre outras blasfêmias para a condenação eterna. Colocaram Deus Pai e Jesus Cristo menores que o poderoso dinheiro.

Somente Satanás conseguiria transformar nosso Deus e Pai e Jesus Cristo em nada, usando homens porta-vozes da blasfêmia, usando de astúcias de sabedoria maligna, pervertendo e torcendo a verdade de Cristo e sua Palavra. Estão sendo "abençoados" pelas obras de Satanás e pensam que é do Senhor Jesus. Estão pagando pelas "bençãos" e, se estão pagando para receber (cura, conversão, emprego, carro, casa ...), recebendo, certamente não é do Senhor Jesus Cristo. Ler Evangelho de Mateus capítulo 7, versículo 21 em diante.

A Palavra de Deus já diz, antecipadamente, o que é e o que não é. Nessa dispensação os corações estão sendo julgados pela Palavra de Deus.

Quando líderes que se dizem cristãos ou religiosos, praticam iniquidades, crimes, etc, negando e blasfemando, mesmo usando o nome do Senhor e, seus discípulos fanáticos, dominados e escravos espirituais marcados, ainda os seguem e apoiam cegamente, estamos diante de seitas diabólicas. Isso é o que temos nos impérios evangélicos onde, quem diz o que é e o que não é, não é a Palavra de Deus mas, os homens-ídolos com espíritos de todo o engano e astúcias.

Há muitos homens e mulheres sinceros e tementes a Deus que não estão encontrando lugar para congregar (denominações) por causa do que ouvem e veem, o falso evangelho da mentira, da corrupção, da blasfêmia, do mercado, da exploração desavergonhada, da falsa graça, conduzindo uma multidão para a perdição eterna.

Outros, reúnem nos seus lares ou lares de outros, como no tempo do inicio da igreja do Senhor, devidamente estruturada e organizada e sem necessidade de prédio, pois, igreja não é prédio ou nome fantasia. O exemplo de igreja é o do tempo dos apóstolos, no início, nas casas. As casas eram os locais essenciais de reunião da igreja (irmãos congregados e unidos numa só fé), e mais outro lugar qualquer onde reunissem os santos. Podem reunir em qualquer lugar e ali será uma igreja. Um altar é estabelecido no momento da reunião.

As reuniões dos santos devem estar, unicamente, debaixo da doutrina dos doze apóstolos do Cordeiro, que é a única doutrina de Cristo, que já está na Palavra de Deus. Ninguém pode inventar ou criar nada novo porque tudo já está escrito, conforme nos foi deixado, para meditarmos, alimentarmos do Pão Vivo e crescermos na graça e sabedoria de Cristo, com simplicidade e humildade de coração.

Ao invés de prédios faraônicos (que ostentam a soberba e glória terrena dos seus donos, levantados com sangue de ovelhas sem entendimento da verdade de Cristo, abusadas e submetidas à lavagem cerebral ...), milhares ou milhões de lares deveriam ter, nos dias atuais, reuniões dos filhos de Deus e, em simplicidade e graça o único evangelho verdadeiro seria multiplicado. (OBS: Não confundir com o engano de igrejas em células ou G12)

Titanic Igrejas que se proclamam de Cristo, hoje, são navios negreiros disfarçados de poderosos, arrogantes Titanics. Pela iniquidade, afundarão para as profundezas da perdição. Poucos serão salvos.

O Senhor dirá: "Nunca vos conheci ..."

De todos os que cabem em prédios faraônicos, para a perdição eterna, restariam e caberiam em uma casa simples, para a salvação da alma.

Prédios de ostentações faraônicas (dos faraós evangélicos) dão a sensação de glória e poder, diferente de uma casa simples. Essa ostentação de glória terrena sedutora vem do espírito de Satanás, não vem da parte de Deus. Essa ostentação e glória os faraós buscaram representar em suas obras, mega construções que no antigo Egito patrocinavam, entre elas as pirâmides.

Vivendo pelo evangelho da graça, em espírito e em verdade, certamente que os espíritos enganadores, falsos irmãos, lobos, mercadores e corruptos não teriam lugar nas reuniões dos santos porque seriam revelados e denunciados publicamente. Filho de Deus verdadeiro não teme homens mas, teme a Deus, somente.

Recebo notícias de pastores e líderes que aboliram o dízimo de suas reuniões após a leitura do livro. Irmãos sinceros e tementes a Deus que deixaram o sistema evangélico e promovem reuniões em seus lares. Nas reuniões nos lares tudo pode ser feito: santa ceia, batismo nas águas, adoração, ensino da Palavra de Deus, orações, súplicas, intercessões, manifestação dos dons do Espírito Santo, buscando constantemente a verdade de Cristo. Tudo na simplicidade de Cristo. Os únicos exaltados e adorados, dignos de toda a honra e louvor são o Pai e o Filho.

É um tempo determinado e a libertação dos filhos de Deus de todo o império da escravidão é contínua e progressiva.

Então, nessa dispensação, vou escrevendo e multiplicando, até que o Senhor mude as coisas para uma outra fase.

Indico para assistir o filme "Jornada pela Liberdade" (Amazing Grace) que conta a história de William Wilberforce.

No filme "Jornada pela Liberdade" (Amazing Grace) vemos o tempo do império da escravidão e, a revelação para os nossos dias é: esses escravos, hoje, são os filhos de Deus e, os "navios imundos", os navios negreiros, no mundo, usando o nome do Senhor, são as atuais igrejas chamadas evangélicas.

Hoje, as igrejas que se dizem evangélicas e todos os outros, que usam o nome do Senhor Deus em vão, fazem do povo que foi chamado para a liberdade de Jesus Cristo, como filhos de Deus, um grande negócio, um grande mercado cristão mundial, com todos os tipos de atrocidades, blasfêmias e impiedades seduzindo e escravizando pessoas sem entendimento da Palavra de Deus.

Assista e entenda o sistema da escravidão e seus escravos, veja aqueles que deveriam ser livres em Cristo mas são escravos marcados para servirem e pertencerem aos homens do falso evangelho, da falsa graça, da falsa igreja de um falso cristo ...

Igreja nos lares, viva essa verdade imutável da Palavra de Deus que foi destruída pelo sistema religioso do engano.

Igreja de Jesus Cristo não é prédio, nem nome fantasia, mas, a reunião dos filhos de Deus, LIVRES, em qualquer lugar na face dessa terra, unicamente, pela doutrina dos 12 apóstolos do Cordeiro, conforme ensina Atos dos Apóstolos ... e toda a Palavra de Deus ...


· PARTE 2 - REiniciando a Igreja de Jesus Cristo nos Lares: Acessar »

Paz ao seu coração.
Sergio Luiz Brandão

BLUES TO THE LORD - CHURCH - Brasil - São Paulo - Site Evangélico - 2004 ...
www.blues.lord.nom.br